Infelizmente o nosso site não funciona neste browser. Por favor, atualize-o para uma versão mais recente.

A Humana oferece FRETE GRÁTIS nas compras acima de R$ 100,00
Traduzindo a África Queer

Traduzindo a África Queer

Caterina Rea, Clarissa Goulart Paradis, Izzie Madalena Santos Amancio
tipo livro
estado novo
capa comum
editora Devires
ano de publicação 2018
categoria(s) Não-ficção
subcategoria(s) LGBTQIA+, África
número de páginas 146
peso 340g
dimensões 23cm / 16cm / 1cm
R$ 42,00

descrição

O conjunto dos textos aqui apresentados fazem parte do Queer African Reader, a primeira coletânea queer africana, publicada em inglês, em 2013. O grupo de pesquisa FEMPOS/UNILAB selecionou alguns dentre eles e organizou a tradução deste volume, no intuito de apresentar esta literatura para o público lusófono. Fruto do trabalho de ativistas, acadêmicxs e políticxs de vários países da África de ex-colonização britânica, estes textos apresentam o debate social, cultural e político sobre a dissidência sexual e de gênero em vários contextos do continente. Fio condutor destas produções é a ideia audaciosa de que as lutas das comunidades LGBTIQ africanas em prol da visibilidade da dissidência sexual têm ajudado na consolidação da democracia e da libertação anticolonial no continente.

Caterina Rea é professora adjunta do Instituto de Humanidades e Letras da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-brasileira, Campus dos Malês/BA. É doutora em Filosofia pela Université Catholique de Louvain (Bélgica). Atualmente, coordena o grupo de Pesquisa Pós-colonialidade, Feminismos e Epistemologias Anti-hegemônicas/FEMPOS/UNILAB.

Clarisse Goulart Paradis é professora adjunta do Instituto de Humanidades e Letras da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-brasileira, Campus dos Malês/BA. É doutora em Ciência Política pela Universidade Federal de Minas Gerais. Atualmente, é vice-coordenadora do Grupo de Pesquisa Pós-colonialidade, Feminismos e Epistemologias Anti-hegemônicas/FEMPOS/UNILAB.

Izzie Madalena Santos Amancio é Bacharel em Humanidades pela Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-brasileira/Campus dos Malês/BA. Atualmente, é graduanda em Pedagogia da mesma Universidade, integrante do FEMPOS/UNILAB e bolsista PIBIC/FAPESB.

voltar à tela anterior